Técnicas de Persuasão de uma Maneira que Você Nunca viu Antes (Exclusivo)

Tempo de leitura: 9 minutos

Entenda Como os Mestres das Vendas se preparam para receber seus Clientes nessa primeira parte deste incrível artigo, tendo assim as Técnicas de Persuasão mais completas para o seu negócio físico ou digital.

Nessa parte desse artigo veremos como os mestres das vendas se preparam mentalmente para receber seus clientes pela primeira vez.

Examinaremos cada passo que eles dão para cumprimentar o cliente da maneira mais positiva e agradável possível.

Logicamente encaixaremos essa maneira exclusiva dos Mestres das Vendas para o seu negócio digital.

Antes de iniciar, devemos analisar a definição exata de fechamento: um plano, um desenho, uma tática ou uma manobra com a qual o mestre põe seu cliente numa posição em que este precisa fazer uma decisão de compra. Em outras palavras, o consumidor é colocado contra uma “parede” psicológica, tendo que dizer “Sim eu compro ou “Não, eu não compro”.

“Saiba que cada pequeno passo de venda leva à conclusão. Deixe de dar um dos passos e você se afastará da venda a mesma distância”.

Passo 1: Lógica e Emoção o Poder da Conversão Extrema

No momento de se comprar um produto, a emoção humana sempre desempenhará um papel muito maior do que a lógica. A maioria das pessoas tende a comprar mais com o coração do que com o cérebro.

A razão é simples.

Os Mestres das Vendas fazem com que os clientes sintam e apreciem suas possibilidades e suas aplicações práticas, muito mais do que simplesmente explicando e exibindo vários detalhes do produto, informações sobre fabricação e folhetos “bonitinhos”.

Os mestres das vendas trabalham para envolver os clientes com o produto e animá-los para a compra; querem que os possíveis compradores saiam pulando, abracem, cumprimentem, sorriam e se sintam magnificamente bem, porque sabem que o que foi comprado será mostrado aos amigos, e a exibição de algo de que se orgulha não só satisfaz o ego, mas solidifica o negócio e cria uma avenida para novas referências.

Com uma forma de entusiasmo sendo utilizada dentro de uma apresentação de vendas, seja em vídeo, e-mail, artigo, dependendo da energia contagiante que você emanar em suas palavras, você com certeza irá vender.

Lembre-se de algo muito importante: se você estiver com alguma dúvida à respeito do que está vendendo, ou não for apaixonado pelo produto em questão, você precisa encontrar outro produto urgentemente.

Trabalhe com o que você acredita para poder usar as verdadeiras e mais convincentes Técnicas de Persuasão.

Passo 2: Os Mestres das Vendas vendem de uma forma completamente diferente em relação aos Vigaristas

Esta é uma regra não escrita que todos os grandes vendedores respeitam: “O negócio não termina neles”.

Os mestres sabem que é verdade que se os clientes não comprarem com eles, há uma boa chance de o mesmo produto ser comprado em algum outro lugar, e as pessoas responsáveis pela venda podem ser perfeitos vigaristas, que vão dilapidar o rico dinheiro dos consumidores.

Você tem uma responsabilidade diante dos seus clientes, e deve, com todo o poder de persuasão que tiver, tentar fazer com que o produto seja levado pelo cliente.

Essa obrigação autoimposta deriva do fato de que o grande mestre estudou a concorrência e sabe o que ele oferece é melhor, você precisa dessa convicção sempre.

Ele viu outros clientes, anteriormente, cometerem erros ao comprar de empresas ou pessoas de má reputação para depois procurá-lo com histórias horripilantes.

Quando você acredita realmente que seu produto é perfeitamente adequado para o cliente, ele tem o direito de insistir, encorajar e pressionar por uma venda. Existem milhares de outros vendedores no mundo abençoados com o dom da persuasão, mas infelizmente muitos transformaram essa habilidade numa arma para tapear as pessoas, cometendo fraudes.

Você precisa sempre proteger seus clientes com a verdade.

Tenha em mente que é preciso ter uma obrigação fiduciária de fazer tudo, dentro do razoável, para vender seu produto de qualidade, de modo que o vigarista de baixo não consiga passar seu embuste adiante.

“ O que um mestre das vendas faz com a própria vida morrerá com ele, mas o que ele faz com seus clientes viverá para sempre”.

Passo 3: O passado não significa absolutamente nada, hoje significa tudo

Antes de oferecer um produto para qualquer tipo de cliente, você deve parar e pensar mentalmente: “Hoje significa tudo, e todas as atribulações, decepções e vitórias de ontem não quiseram dizer nada”.

O que você deve fazer é se lembrar e anotar mentalmente, sobre as suas experiências passadas, que podem ajudá-lo no futuro, mas sem se refestelar delas.

Você deve sempre focar no dia de hoje, coloque essa palavra na sua cabeça “ HOJE É O GRANDE DIA”.

Passo 4: Nunca pense exclusivamente no dinheiro

A última coisa que um mestre das vendas pensa ao efetuar uma venda é no dinheiro da mesma.

Ele sabe que se tiver uma comissão, ou um bônus em mente, isso vai transparecer, e o cliente saberá.

Você só precisa relaxar, gostar do seu trabalho e dos seus clientes, ao mesmo tempo que acredita no seu produto ou serviço, pode deixar que todo o resto vai se encaixar.

“ Na vida assim como na corda bamba, fique o mais alto que puder e não perca o equilíbrio”.

Quer aprender como conseguir ter resultados reais de forma objetiva e simples no seu negócio digital? Clique no botão saiba mais logo abaixo e fique por dentro desse conteúdo incrível:

energia de um mestre das vendas técnicas de persuasão

Passo 5: Os Clientes precisam da energia do vendedor

Quando um cliente encontra um conteúdo de vídeo seu ou texto pela primeira vez, esses conteúdos estão cheios de energia, mas do jeito errado.

A menos que o grande mestre como você, consiga cativar o cliente nos primeiros minutos do primeiro encontro, o possível comprador, provavelmente, vai passar toda a apresentação de vendas sem realmente ouvir ou entender coisa alguma.

Outro pensamento que atormenta um cliente, deixando-o pouco à vontade e gerando ainda mais energia negativa, é a sensação de que ele pode encontrar uma pessoa que disponibilize um produto ou serviço, mas que não se importa com seus interesses desse cliente em especial.

Para reverter isso, você precisará usar sua personalidade nas palavras e fará uma certa “amizade” com o cliente desde o início. Dessa forma, ele com certeza vai construir uma relação de confiança com você.

Na maioria das vezes os clientes precisam de uma atitude sua do tipo “você pode”, “você merece”, de modo que, quando chegar a hora de decisão de compra, ele tenha autoconfiança e firmeza suficientes para levar o produto ou serviço sem medo de se arrepender depois.

Existe uma velha história chinesa que ilustra perfeitamente o que falamos aqui:

Há muito tempo, havia um velho escudo enferrujado encostado numa árvore gigantesca, há mais de cem anos.

Bem, nesse tempo, o escudo havia feito amizade com o Sol.

Toda manhã e toda tarde o Sol e o escudo se cumprimentavam e, durante o dia, mantinham conversas agradáveis.

Muito bem, certo dia o Sol olhou para o velho escudo e percebeu que ele estava muito triste, sem querer conversar. O Sol continuou insistindo e incomodando o escudo, querendo saber o que havia de errado, até que ele finalmente respondeu e contou a seu amigo Sol o problema.

Explicou que um dia fora bonito e respeitado, que todos os exércitos o temiam e admiravam, mas que nos últimos cem anos, abandonado na floresta, ele ficara enferrujado, feio e desvalorizado.

Essa era a razão por ele estar tão triste e deprimido. Seu amigo, o Sol, apenas sorriu e pediu que ele não se preocupasse. Olhou direto para o escudo e disse: “Você meu amigo, não precisa se sentir mal. E ainda é um grande escudo, e para provar isso, tudo que você tem que fazer, meu amigo, é se dar um polimento e me refletir”

Passo 6: Os grandes motivos pelos quais se compra

Só existem três grandes motivos pelos quais os clientes compram. O primeiro é o desejo. Se ele quiser o produto, souber que este será útil, entender que adquiri-lo será um bom investimento, acreditar e gostar de quem oferece o produto, então ele compra.

A segunda razão é o dinheiro. O cliente precisa saber que o produto está com um preço justo e que se encaixa no seu orçamento.

O terceiro grande motivo é que ele se permitiu compra; raciocinou que precisa do produto, ou sabe que quando comprá-lo as pessoas próximas a ele aprovarão a aquisição.

Caso um cliente se sinta à vontade com todas essas três partes: desejo, dinheiro e permissão, ele comprará o produto e ficará satisfeito.

“Se você nunca perdeu, então jamais ganhou”.

o poder de escutar o seu cliente

Passo 7: Escute o Cliente – A Principal Técnica de Persuasão

Todo vendedor sabe ouvir os seus clientes e isso é bem básico. Mas os mestres sabem ouvir mais profundamente. Por exemplo, quando um cliente diz ao vendedor que ele é uma boa ou má pessoa, provavelmente está falando a verdade.

A maioria dos clientes, em algum momento durante a compra do produto, desde que acredite na sua pessoa, confiará alguma coisa de valor para a decisão final da compra.

Nesse momento ele revelará a sua personalidade verdadeira, e o mestre saberá o que fazer nesse exato momento, para efetuar a venda.

PS: Espero que tenha gostado do conteúdo e que eu possa ter realmente te ajudado a conseguir entender mais sobre as vendas online.

Quero saber agora, se ficou alguma dúvida e quais conteúdos você gostaria de assistir ou ler, faço questão de atender o seu pedido. Um forte abraço e fique com Deus.